Governador do Paraná descarta volta das aulas nas escolas particulares antes de agosto


Foto: Reprodução / Franklin de Freitas – Bem Paraná

O Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Estado do Paraná (Sinepe) anunciou nesta quarta (6) um plano de retomada gradativa e segura das aulas que foi apresentado à Secretaria de Estado da Saúde. Pela manhã, a secretaria de Saúde enviou nota afirmando que o ofício do Sinepe tinha sido enviado ao secretário Beto Preto e que não havia prazo para a resposta. Por volta do meio-dia, no entanto, o governador Carlos Massa Ratinho Jr, acabou com o suspense ao ser questionado no Instagram se as aulas na rede particular voltariam em junho: “Não, provavelmente apenas no segundo semestre. Agosto”, respondeu ele na rede social.

O próprio secretário Beto Preto já tinha feito a mesma previsão de retorno de aulas no segundo semestre em diversas ocasiões. A prefeitura de Curitiba anunciou no início dessa semana o adiamento das aulas presenciais para julho. Foi o terceiro adiamento desde o início da pandemia, em março e, segundo informações de fontes ligadas à secretaria, o retorno pode ser adiado novamente. dependendo do pico da doença. A Universidade Federal do Paraná (UFPR) suspendeu as aulas presenciais por tempo indeterminado, alegando que os cientistas não podem garantir a segurança do retorno por causa do avanço do Covid-19 no Estado.  A Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) decidiu prorrogar a suspensão até 31 de maio.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *