Acusado pela morte de youtuber no Litoral do Paraná vai a júri popular

Foto: Reprodução / Facebook.

A primeira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná negou recurso da defesa e manteve nesta quinta (26)  a prisão de Everson Vargas, acusado de atirar no carro onde estava a youtuber Isabelly Cristine, no dia 14 de fevereiro do ano passado.  Junto com o irmão, Cleverson Vargas, ele responde por homicídio qualificado por motivo fútil. Na mesma decisão, a Justiça indicou que Everson será julgado pelo Tribunal do Júri de Pontal do Paraná.

O assassinato de Isabelly foi um dos crimes de maior repercussão nos últimos anos e se deu por um motivo fútil: um desentendimento no trânsito. A advogada Thaise Mattar Assad assistente de acusação, conversou conosco e explicou o resultado da setença e falou sobre a expectativa para a sequencia do processo. Conversamos também com a mãe da youtuber Isabele, a Rosania Domingues e ela se diz satisfeita com a decisão.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *